terça-feira, 31 de agosto de 2010

As pessoas


Complicado e difícil de escrever ultimamente, ter cuidado com cada palavra escrita, com cada ponto colocado. Há uma razão, que não à tenho mais. Há um desequilíbrio imenso em tudo que um dia já citei, e acreditei, e sonhei. Algumas coisas estão fora do controle que eu costumava ter. Mas eu sei que chegou a hora do desapego, de passos mais longos. E esse medo que insiste em me atrapalhar vou sufocar junto com algumas palavras idiotas que perturbam minhas ideias. Um dia decidi sorrir para todos, foi nesse dia que cavei meu próprio buraco, e sem saber me deixei cair, e sem perceber eu parei lá no fundo. Sorrisos só valem a pena quando sinceros. Eu vejo que eles estão escassos nesses últimos dias, só aparecem de vez em quando para quebrar o clima tenso da rotina. Pessoas precisam mudar e se encontrar de vários modos. Pessoas precisam ser sinceras consigo mesmas, pessoas precisam descobrir o que lhe fazem bem, as pessoas precisam parar de sorrir quando o que querem é gritar e xingar. É amigos estamos aprendendo, e as vezes da é da pior maneira. Vocês sabem, as coisas só vão piorar, mas não vamos deixar, recicle-se, desapegue-se, seja sincero consigo, lute, tenha medos, enfrente-os, mostre, crie, chore, fale, se acha necessário então, MUDE.



Passar curtir feliz, mil coisas pra lembrar,
quantas palavras pra dizer o que eu sinto,
mas falta coragem pra me confessar
e admitir que sem você não sei viver
Não da pra viver assim (...)
9 de espadas - Não da pra viver assim

Um comentário:

  1. Oi linda amei seu blog ta lindo já estou seguindo viu, faz uma visitinha no meu ai se você gostar me segue também ta, beijão simara
    http://plantaodabeleza.blogspot.com/

    ResponderExcluir